Como combater o bullying nas escolas

Mudar de escola resolve?

Existe uma crença de que mudar de escola ou de cidade fará com que a pessoa deixe de ser vítima. Infelizmente não funciona, pois o padrão comportamental da pessoa vai fazer com que seja atacada em qualquer lugar.

O problema é o padrão comportamental que predispõe uma pessoa a ser vítima. Nesse ponto o atendimento psicológico de orientação comportamental é fundamental, pois desenvolve novos repertórios comportamentais incompatíveis com o perfil das vítimas de bullying, que geralmente são pessoas tímidas, caladas e com baixa auto-estima.

A vítima precisa de orientação. Isso inclui ir a delegacias especializadas em crimes virtuais e/ou procurar atendimento jurídico, psicológico e médico.

O bullying deve ser sempre combatido e jamais tolerado. Cabe lembrar que não é só aquele que pratica o bullying que é o agressor. Os espectadores que não fazem nada e ainda dão risada da vítima que está sendo humilhada é tão agressor quanto o bullyer (o agressor principal). São chamados de agressores passivos, que reforçam o comportamento do agressor que por sua vez aumenta a frequência dos comportamentos agressivos por obter reforço social.

As pessoas precisam entender que bullying não é bobagem ou brincadeira de mau gosto, mas sim agressão psicológica e muitas vezes física, que deixa marcas para toda uma vida.

Ser vítima para sempre ou mudar de vida?

Procure seus pais, o diretor da escola, um psicólogo qualificado e competente e conte o problema. Não se silencie, não deixe que a situação se agrave.

Fonte: Psicologia e Ciência.
Última atualização: 24/06/2011.
Gostou? Compartilhe:

Sobre o Autor:
Marcelo Meirelles
Dr. Marcelo Meirelles, Pediatra e Hebiatra. Experiência na área de Medicina, com ênfase em Pediatria, Puericultura e Adolescência.

17 comentários:
  1. Olá, Dr. Marcello,

    Muito importante esta postagem.
    Escrevi algo sobre isso que será publicado amanhã no Recanto das Mamães Blogueiras. Eu fui vitíma de Bullying.
    Um forte abç de sua fiel leitora, Genis.

    ResponderExcluir
  2. MUITO BEM, DEVEMOS NOS CONCIENTIZA COM TUDO AO NOSSO REDOR PRINCIPALMENTE QUANDO ENVOLVES CRIANÇAS EM DEFESAAA DEVEMOS FICAR ALERTA COM TUDO O QUE ACONTECE PARA NÃO ACABAR SE TORNANDO O TAL FAMOSO DO BULLYING...

    ResponderExcluir
  3. concordo bullying nao presta eu queria ver se vc com eles se eles iam gostar

    ResponderExcluir
  4. Vi este trabalho em um colégio e além de admirar quero que todos tenho o prazer de também prestigiar esta obra sócio educativa. Assista a matéria da Rede Record sobre a palestra dramatizada "Bullying - não quero ir pra escola" com João Pedro Roriz e os atores Malu Solimeo e Victor Meirelles, apresentada em escolas, prefeituras e eventos em todo o país. Para maiores informações ligue para eles(21) 32836501 / 8887-5069.

    Link: http://youtu.be/YD3fNdik9q0

    ResponderExcluir
  5. SIMMM... TEMOS K ACABAR COM O BULLYING

    ResponderExcluir
  6. É ÓTIMO . AMEI ME AJUDOU BASTANTE NO TRABALHO ESCOLAR . O TEMA É BULLYING , E O SEU SITE É MARAVILHOSOOO

    ResponderExcluir
  7. sim na escola esta me ajudando abraço

    ResponderExcluir
  8. adore essa postangem nos ensina a combater o BULLYING.

    ResponderExcluir
  9. EU GOSTEI MUITO TIREI NOTA 10 NA ESCOLA SOBRE O BULLYING.

    ResponderExcluir
  10. o bullyng nao é so um tipo de agreçao nos temos que combater o bullyng em todos os lugares

    ResponderExcluir
  11. sofro bullying mas não levo a serio mas isso so começou logo apos a apos mi muda da minaha escola

    ResponderExcluir
  12. este saite e muito importante gostei muito

    ResponderExcluir
  13. gente eu ja sofri muito bullying no colegio mais depois que eu me toquei que essas pessoas faziam isso porque eu sempre eu abaixava a cabeça e começava a chora ,eu mudei completamente meu jeito de ser ,eu conversei mais minha mãe e meu pai sobre oque estava acontecendo e eles foram no colegio fala com a diretora, mas ela so convesou com o meninos não adiantou nada eu acho que ela devia da uma punição a eles ,e eles continuaram fazendo o bullying comigo eu me retei entrei na academia de boxe , menti o soco nesse menino quando ele caiu eu mutei em cima dele e bati tanto que deixei ele todo quebrado . e ele falou pro pai que eu bate nele sem motivo eu me retei e joguei toda verdade na cara dos pais deles e falei quem era o filho deles. ele nunca mais fez bullyng com ninguem e se eu ver alguem cometendo bullying com outra pessoa caiu em cima ja dando soco porque como eu não gostei de ser feito comigo não quero que aconteça isso isso com ninguem
    bjosssss gente obrigado por ter lido oque eu escreve

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei como voc se sente tmb sofro bullying hoje mesmo cheguei em casa chorando,mas eu tenho uma terapia para isso que se chama "Katy Perry- Firework" e "Demi Lovato-Skyscraper".Todos os dias antes de ir para a escola e quando volto da escola só coloco o fone e ouço uma das duas que me da forças para continuar seguindo em frente e não ligar para a gentinha,mas tem horas que não aguento e falo mesmo.Se voc tiver Facebook,Twitter me add por favor pelo e-mail victor_lopesil@hotmail.com seria muito bom conversar com voc e conheço uma pessoa que precisa de ajuda com o bullying,me add por favor

      Excluir
    2. tmb sofro bullying 5 anos da minha vida mas tenho duas terapias para isso que se chamam Katy Perry e Demi Lovato,tenho uma amiga que tmb precisa de ajuda com bullying,se puder me adicionar no facebook ou twitter pelo e-mail victor_lopesil@hotmail.com eu iria ficar feliz em conversar com mais pessoas que passaram pela mesma situação que eu

      Excluir

E aí, o que achou do tema da postagem? Deixe seus comentários, dúvidas, críticas e sugestões!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...